25.2.11

Destinatário:
Vem sim, chega a ser suave..
Liberdade & Paraíso.
De mãos dadas.


Devia ser sábado, passava da meia-noite.
Ele sorriu para mim. E perguntou:
- Você vai para a Liberdade?
- Não, eu vou para o Paraíso.
Ele sentou-se ao meu lado. E disse.
- Então eu vou com você.

***
Caio F.

2 comentários:

  1. Olá Mari! deixei um selinho pra vc lá no Blogaragem!
    Bjux!

    ResponderExcluir
  2. É incrível a paz e a calma que seu blog me transmite...

    ResponderExcluir

- E o que você faz com as cartas que escreve?
- Guardo. A sete chaves. Um dia talvez possa
entregá-las pessoalmente.

Caio F.